quinta-feira, 19 de outubro de 2017


Foto Cathat McNaughton


É por isso que é o azul
Cor de minha devoção


Não qualquer azul, 

azul de qualquer céu, qualquer dia

O azul de qualquer poesia
De samba tirado em vão


É o azul que a gente fita
No azul do mar da Bahia


É a cor que lá principia
E que habita em meu coração


Caetano Veloso - Gilberto Gil 




terça-feira, 17 de outubro de 2017

 
 Foto Rafael Marchante


Queria ter coragem de te falar
Mas qual seria o idioma?
Congelado em meu próprio frio
Um pobre coração em chamas

É como se eu fosse um colegial
Diante da equação, o quadro, o giz
A curiosidade do aprendiz
Diante de você

Lenine 

 

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Descansar a vista!

Foto Simone Gallego


Na varanda suspensa
De São Sebastião
Intocada por ipoméias
Pés de manga, costela-de-adão
Eu me sentava pra ver
Aquele quadro vivo mudar
Vista para Ilhabela
Éramos a tela impressionista

Céu 

sexta-feira, 15 de setembro de 2017





Não demora não
Que eu tenho o meu encontro
Feito com um mar de pérola

Marcelo Camelo 


terça-feira, 12 de setembro de 2017

Foto Acervo afetivo


Te esperei na lua crescer
Vi cadeira boa sentei
Espirrei na tua gripei
Por ficar ao léu resfriei

Você me agradou me acertou
Me miseravou, me aqueceu
Me rasgou a roupa e valeu
E jurou conversas de Deus

Carlinhos Brown
 

terça-feira, 5 de setembro de 2017


Ilustração Troche


O amor não morre.

Torna-se insustentável e evapora.

Nas nuvens, se mistura com o vento 
e acumula-se 

e chove

Brás Moreau Antunes

quinta-feira, 31 de agosto de 2017


 
Foto Vyacgeskav Mishenko


Vi uma lesma pregada
na existência
de uma pedra

Manoel de Barros


quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Foto Acervo de Família


Vamos chamar o vento
Vamos chamar o vento

Vento que dá na vela
Vela que leva o barco
Barco que leva a gente
Gente que leva o peixe
Peixe que dá dinheiro, Curimã

Dorival Caymmi 

terça-feira, 29 de agosto de 2017

 Foto Simone Gallego


Será que ela quer casar
Será que eu vou casar com ela
Será que vai ser numa capela
De casa de andorinha

Guinga - Paulo César Pinheiro


sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Foto Stefan Wermuth


Meu amor o que você faria?
Se só te restasse um dia
Se O mundo fosse acabar
Me diz o que você faria?

Ia manter sua agenda
de almoço hora apatia
Ou ia esperar os seus amigos
Na sua sala vazia

Paulinho Moska